O Test behind the Great Firewall of China, confirmou mais uma vez que nosso blog ESTÁ BLOQUEADO NA CHINA. A máquina repressiva impede o acesso em Pequim (confira); em Shangai (confira); e agora em Guangzhou (confira). Hong Kong é a exceção (confira). Enquanto Pequim não cobrar medidas coercitivas dos seus correligionários brasileiros ou da Teologia da Libertação, este blog continuará na linha católica anti-comunista, pelo bem do Brasil. MAIS

quarta-feira, 23 de julho de 2008

Consórcio governamental europeu colabora na repressão de TV chinesa independente

Sede da Eutelsat, pesadelo chinês
A NTD, única emissora de TV que informava livremente na China ficou proibida de transmitir no país … por uma operadora de satélites ocidental! A informação é do jornal parisiense “Le Monde”.

A NTD TV têm perto de cem milhões de telespectadores na Ásia e difundia o “rosto oculto” da China.

A empresa encarregada da repressão foi a Eutelsat, consórcio intergovernamental europeu com sede em Paris. A Eutelsat alegou “um acidente técnico irreversível” num satélite que tornava impossível usar qualquer outro dos numerosos satélites da empresa para a NTD.

Ninguém sério acreditou. Não é a primeira mexida de Pequim para silenciar a NTD via a Eutelsat. Anterior tentativa fracassou após mais de 250 parlamentares europeus assinarem um apelo à Eutelsat pedindo que respeitasse a liberdade de expressão.

Protesto ante sede de Eutelsat, Paris, pesadelo chinêsNesta ocasião, o deputado francês Lionnel Luca qualificou o regime socialista de Pequim de “regime a ser derrubado e intratável”. Para ele, se não for restabelecida a difusão de NTD TV na Ásia, o consórcio intergovernamental europeu será o “primeiro collabo [em alusão aos colaboracionistas com o nazismo] da nossa época, e encarnará a desonra das democracias moles que se abaixam”.

Para Repórteres sem fronteira, a medida da Eutelsat é fruto de uma decisão “premeditada e política”. Obviamente, para agradar à ditadura marxista. “Faltando, escreveu, poucas semanas para os Jogos Olímpicos a suspensão da NTDTV, uma cadeia que incomoda ao governo de Pequim, aparece claramente como um favor da Eutelsat para obter novos mercados”.

Nos tempos da falida ditadura soviética era freqüente o macro-capitalismo colaborar com a ditadura marxista a troca de vantagens. O sistema soviético mudou, mas o macro-capitalismo pró-comunista segue igual, ao menos no que se refere à China.


Sei que o blog 'Pesadelo chinês' é reprimido na China, mas quero receber atualizações gratuitas, sem compromisso, no meu Email

Nenhum comentário:

Postar um comentário