O Test behind the Great Firewall of China, confirmou mais uma vez que nosso blog ESTÁ BLOQUEADO NA CHINA. A máquina repressiva impede o acesso em Pequim (confira); em Shangai (confira); e agora em Guangzhou (confira). Hong Kong é a exceção (confira). Enquanto Pequim não cobrar medidas coercitivas dos seus correligionários brasileiros ou da Teologia da Libertação, este blog continuará na linha católica anti-comunista, pelo bem do Brasil. MAIS

terça-feira, 10 de novembro de 2009

Líderes “pragmáticos” da China bafejam culto de Mao tsé-tung

A antiga e devastada cidade de Yanan, província de Shaanxi, é um local de peregrinação estimulada pelo regime anti-religioso socialista.

Trata-se de um local de romaria ateia! Pois Yanan foi a cidade onde Mao Tsé-tung instalou pela primeira vez seu governo comunista.

Yanan gemeu sob a tirania do líder marxista a partir de 1935 e até 1948. Ali Mão aplicou a reforma agrária, criou escolas marxistas com doutrinamento socialista forçado da população e ditadura eufemisticamente qualificada de “estilo de vida austero” sob “disciplina militar”.

O igualitarismo maoísta forçou homens e mulheres a se vestirem com os mesmos uniformes azulados e sapatos de pano pretos. Nisso igualavam-se ao seu hipnótico chefe. Mão preferiu ir a morar numa pequena casa encostada numa montanha e até numa caverna.

A propaganda marxista forjou uma mística a propósito de Yanan. Jornalistas e esquerdistas estrangeiros foram ali a escrever panfletos destinados a intoxicar Ocidente.

O repórter americano Edgar Snow viveu meses com Mao e seus cúmplices em 1936. Snow é o autor de “Estrela Vermelha”, livro que apresentava os comunistas chineses como heróis.


A irradiação de trevas que experimentam os membros do partido, do governo e de estatais chinesas e jornalistas e esquerdistas ocidentais explicam as peregrinações à cidade.

Chefes de empresas como a China National Petroleum Corporation (CNPC), a Petrobrás chinesa, disseram ter ido a Yanan para estudar o “espírito da revolução” e aplicá-lo nos dias de hoje.

O endeusamento do líder pelo governo confirma o formidável ascendente que ele tem sobre os dirigentes chineses atuais, embora eles finjam não serem mais do que líderes pragmáticos.

Mao Tsé-tung perdura como um ídolo semidivino ao qual muitos chineses pedem ajuda e proteção. Surgiram rituais pseudo-religiosos diante de estátuas com sua imagem.

Eles perpetuam velhos vícios do paganismo, mas também patenteiam o fundo supersticioso do materialismo marxista oficialmente imperante.

Atribui-se ao funesto líder eflúvios preternaturais que governariam secretamente a vida dos escravos do regime.

A ele são atribuídos milagres e fatos extraordinários ligados a cenas de glorificação pública pelo regime socialista.

O próprio presidente Hu Jintao teria sido um dos “milagreados”.

Entre as façanhas portentosas atribuídas ao semideus constam a grotesca Revolução Cultural, o Grande Salto para Frente no qual 30 milhões de chineses morreram de fome e a reforma agrária que assassinou um milhão de proprietários e deixou a China incapaz de se alimentar até hoje. De fato parecem “milagres”, mas do inferno!


Sei que o blog 'Pesadelo chinês' é reprimido na China, mas desejaria receber atualizações gratuitas, sem compromisso, no meu Email

Um comentário:

  1. Pedro Henrique diz:

    "Trata-se de um local de romaria ateia! Pois Yanan foi a cidade onde Mao Tsé-tung instalou pela primeira vez seu governo comunista."

    Sabia que há mais cristãos na China depois de Mao do que havia antes de Mao?

    Ele foi um grande perseguidor de cristãos mas também ensinou uma coisa ao povo Chinês:A adorá-lo,a ter fé,nele,fé uns nos outros e fé no Livro Vermelho.
    Tudo isto serviu de suporte ao REAVIVAMENTO da fé cristão.

    MAO ZEDONG ensinou o POVO CHINES a ADORAR.
    Mao Tse Tung e os Cristãos na China
    http://www.youtube.com/watch?v=7BiQUaTZi0k

    E o movimento maoista era todo mistico apesar das aparências materialistas.
    E todo revolucionário vermelho é um MESSIÂNICO,movido pela PAIXÃO e pelo MITO:

    PAIXÃO REVOLUCIONÁRIA,MITO E MÍSTICA:
    http://worden.blogspot.com/2008_04_01_archive.html

    ResponderExcluir