O Test behind the Great Firewall of China, confirmou mais uma vez que nosso blog ESTÁ BLOQUEADO NA CHINA. A máquina repressiva impede o acesso em Pequim (confira); em Shangai (confira); e agora em Guangzhou (confira). Hong Kong é a exceção (confira). Enquanto Pequim não cobrar medidas coercitivas dos seus correligionários brasileiros ou da Teologia da Libertação, este blog continuará na linha católica anti-comunista, pelo bem do Brasil. MAIS

terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

Cardeal teme iminente
capitulação vaticana diante do comunismo chinês

O Cardeal Joseph Zen Ze Kiun teme iminente capitulação do Vaticano diante do comunismo chinês
O Cardeal Joseph Zen Ze Kiun teme
iminente capitulação do Vaticano diante do comunismo chinês



O Cardeal Joseph Zen Ze Kiun, bispo emérito de Hong Kong, escreveu em seu blog: “Minha sorte está mais perto da do profeta Jeremias. Minhas lamentações destoam do coro universal, mas seja como for, não posso ser um cachorro que não late”, noticiou a agência AsiaNews.

E explicou: no início do ano passado, o jornal Wen Wei Po [N.R.: editado em Hong Kong pelo Partido Comunista da China] anunciava com júbilo que “as relações entre a China e o Vaticano logo teriam um bom desenvolvimento”.

Pouco depois, o Secretario de Estado do Vaticano, cardeal Parolin, disse que “as perspectivas são promissoras”.

“Eu não via fundamento algum para esse otimismo”, explicou o cardeal chinês. “Mais de mil cruzes foram tiradas do topo das igrejas (em alguns casos as próprias igrejas foram destruídas).

“Já não podemos nos iludir dizendo tratar-se de um episódio de zelo exagerado da parte de alguma autoridade local.

“São vários os seminários que não funcionam mais. Os estudantes do Seminário Nacional de Pequim são obrigados a assinar uma declaração de fidelidade à Igreja Independente, prometendo concelebrar com bispos ilegítimos.

“O governo está consolidando uma Igreja que objetivamente já está separada da Igreja Católica universal.

“Com tentativas de persuasão e ameaças, induzem o clero a praticar atos contra a doutrina e a disciplina da Igreja, renegando a própria consciência e dignidade.”

terça-feira, 16 de fevereiro de 2016

Mais campanhas oficiais de mentira

Anciões condenados a trabalhar até morrer.
Anciões condenados a trabalhar até morrer.



Em posts anteriores mencionamos algumas das montagens da propaganda oficial para enganar a população chinesa, referidos pelo jornal “The Epoch Times” editado em New York.

Neste post acrescentamos mais alguns exemplos tirados da mesma publicação.

“Os velhos que se arranjem!”

Entre as enganações oficiais do socialismo chinês sobressaiu a campanha baseada no slogan “o governo cuidará dos velhos”.

A cultura chinesa pagã dava grande importância aos anciãos. Estes eram cuidados tradicionalmente pelos filhos e filhas, e com veneração.

Por isso, o ideal dos pais era ter muitos filhos, que cuidariam deles no período final de suas vidas.

Mas esse costume saudável e tradicional ficou banido pela “política do filho único”.

terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

Mentiras alucinantes na imprensa socialista chinesa

Milhares de carcaças podres no rio que fornece água potável a Shangai.
Milhares de carcaças podres no rio que fornece água potável a Shangai.



O orwelliano Ministério da Verdade não é uma invenção novelesca. Ele existiu, e existe ainda!

Muitos o surpreendem quase todo dia com a mão na massa, agindo em certa grande mídia tida como respeitável e em alguns governos – aliás, não poucos– empossados legal ou ilegalmente.

Porém, qualquer ministério da falcatrua informativa e ideológica dificilmente bate os recordes de antologia verificados na China. Alguns, porém, defendem que talvez na Rússia de Putin o nível de falsidade seja superior.

Decida o leitor.

Carcaças podres boiam no rio, mas a água é ótima!